22 de dez de 2007

Desenho - Exposição "Vida" no Museu de Amparo - SP





5 comentários:

  1. Gostei muito do geométrico com o orgânico e o vermelho em quase todos, aquecendo e equilibrando. Vi cada um como parte de um mosaico, um se comunicando com o outro e o que era um suposto caos de um emaranhado de galhos se transforma em uma estrutura de ferro. Foi assim que entendi.
    Gostei muito Laura!
    Bjs - Flávio (ex-aluno FPA)

    ResponderExcluir
  2. é, caro flavio, o "entender" uma obra de arte tem possibildades infinitas, cada obra abre um diálogo com o interlocutor, que vai usar seu repertório pessoal, lembranças, sensiblidade e inteligência para fruir aquilo que foi proposto, planejado e delirado pelo artista.
    Adorei seu comentário, me visite sempre que puder e quiser.
    beijo

    ResponderExcluir
  3. Bom trabalho Laura!
    Sabemos que por trás de cada linha, de cada desenho, existiu uma luta que começou muito antes do lápis atingir o papel...
    Eu penso que são as tentativas na intenção de mediar esse conflito o que nos aproxima da Arte.
    Parabéns e sucesso com a expo!

    abraços, com saudades de você

    Claudia (FPA 2005)

    ResponderExcluir
  4. Claudia, obrigada pela mensagem, bom saber de vc!! espero que continue firme no caminho da arte. A luta realmente existe mas ela é sustentada pelo prazer e a possibilidade da conquista, isso é o que nos faz persistir. Te desejo sucesso e muita paz.Beijus

    ResponderExcluir
  5. Me identifiquei bastante com esses desenhos. Parabéns e continue caprichando(rsrsrss).
    Bjs
    Rosana (FPA aplp1m)

    ResponderExcluir