24 de nov de 2008

Kathe Kollwitz, algumas esculturas.



























Casada com um médico, mãe de dois filhos, morava na periferia de Berlim.
Em 1929 foi a primeira mulher a se tornar membro da Academia de Belas Artes da Prússia, pela encomenda de um memorial de guerra.
Foi perseguida pelos nazistas, expulsa em 1933 e proibida de expor.
Vários trabalhos seus representam mães que protegem os filhos, ela mesma perdeu um
filho na I Guerra Mundial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário